Bem Vindo!

O CLUBE DO BANGUE-BANGUE - Greg Marinovich - João Silva

Seja o primeiro a comentar este produto

Disponibilidade: Em estoque

R$54,50

Descrição Rápida

Instantâneos de uma guerra oculta


Quatro fotógrafos que registraram os violentos conflitos entre as facções negras nos últimos anos de apartheid, na África do Sul, ficaram conhecidos como Clube do Bangue-Bangue. Dois deles contam a história do Clube e refletem sobre a ética que divide os repórteres entre a obstinação pela melhor foto e o desejo de interferir nos fatos.

O CLUBE DO BANGUE-BANGUE - Greg Marinovich - João Silva

Detalhes

O período compreendido entre a libertação de Nelson Mandela, em 1990, e sua eleição para presidente, em 94, foi um dos mais violentos da história da África do Sul. A euforia gerada pela libertação do líder negro foi acompanhada de uma intensa onda de terror.
O governo branco sustentava que os distúrbios eram fruto da luta travada entre o CNA (Congresso Nacional Africano), de Mandela, e o Inkatha, partido separatista zulu. Anos depois, ficaria provado que os assassinatos eram planejados pelo governo a fim de abalar a sustentação do CNA e impedir a vitória do partido na primeira eleição em que brancos, negros e coloured votariam em igualdade de condições.
Trabalhando para jornais do país e agências internacionais, os amigos Ken Oosterbroek, Kevin Carter, João Silva e Greg Marinovich fotografavam os conflitos na periferia de Joanesburgo. Os quatro ganharam um apelido de uma revista sul-africana: Clube do Bangue-Bangue - rótulo a que resistiram inicialmente, mas que terminaram por assumir.
As fotos do Clube contribuíam para chamar a atenção do mundo para o que ocorria na África do Sul e receberam prêmios internacionais, como o Pulitzer. Mas os quatro fizeram, cada um a seu modo, uma descida aos infernos. Unidos pela terrível experiência de registrar os massacres, eles experienciaram um profundo dilema ético: quando se presencia um assassinato, é melhor socorrer a vítima ou fotografar? Dilacerados pela violência extrema e pela obstinação em obter a melhor foto, cumpriram trajetórias distintas, mas marcadas pela mesma dificuldade: lidar com a impossibilidade de registrar os acontecimentos e, ao mesmo tempo, ajudar as pessoas em perigo.
Ken Oosterbroek morreu durante uma batalha na cidade-dormitório de Thokoza, em 1994. Kevin Carter suicidou-se aspirando a fumaça de seu carro. O sul-africano Greg Marinovich e o moçambicano João Silva sobreviveram, e refazem em O Clube do Bangue-Bangue uma história que permite entender os lances mais violentos de um combate selvagem e dá contornos tão humanos quanto dramáticos ao dia-a-dia de um correspondente de guerra.

Cia. das Letras - 344 pág. - brochura

Você pode também estar interessado nos seguintes produtos

MAINSTREAM - a guerra global das mídias e das culturas - Frédéric Martel

MAINSTREAM - a guerra global das mídias e das culturas - Frédéric Martel

R$49,90
CENÁRIO DE CAOS - Bob Garfield

CENÁRIO DE CAOS - Bob Garfield

R$54,90
MÍDIAS SEM LIMITE - Todd Gitlin

MÍDIAS SEM LIMITE - Todd Gitlin

R$41,00
Estratégias Para A Midia Digital - Beth Saad

Estratégias Para A Midia Digital - Beth Saad

R$82,00

Tags do Produto

Utilize espaços para separar tags. Utilize aspas simples (') para frases.